AGRONEGOCIOS

Voltar

Produtores de Roraima temem falta d'água

- 25 de Janeiro por Querência News com G1 - RR

A falta de chuva e as constantes queimadas têm causado inúmeros prejuízos aos produtores da Vila Entre Rios, no município de Caroebe, no Sul do estado. Segundo eles, os açudes e poços estão cada vez mais secos e há risco de falta d'água na região; "Dá vontade de chorar", disse aoG1 o agricultor Hélio Pereira.

De acordo com ele, não chove na região há pelo menos 30 dias. Já os incêndios estão ocorrendo há cerca de três meses e assolam pastagens, fazendas e até residências da vila.

"Várias propriedades já foram queimadas. Parece que jogaram gasolina em tudo. É um fogaréu para todo lado, e para piorar está faltando água para o gado, porque não chove de jeito nenhum", relata Hélio, que é dono de uma fazenda na vicinal 015.

De acordo com ele, a questão da água também está preocupando os moradores da região. "Os açudes estão secando. Quem tem dinheiro ainda consegue furar poço artesiano e se manter, mas nem todo mundo pode, então o gado está ficando sem pasto e agora sem água. Logo seremos nós [moradores] que não teremos nem o que beber", lamenta.

Outro produtor da região também contou que alguns fazendeiros estão tendo que recorrer aos vizinhos para conseguir dar água aos animais. "Tem muita gente dando água para o gado com baldes. Se continuar assim, acredito que em breve eles [animais] irão começar a morrer", afirma o produtor Valtercir Batista.

O produtor cobrou ainda que o governo envie máquinas e mais homens da Defesa Civil à região. Ele disse que esta é a pior estiagem dos últimos 10 anos na localidade.

"Precisamos de máquinas para aumentar os açudes e de mais gente para ajudar no combate às queimadas, se não corremos o risco de ficar sem água e ainda perder tudo nesses incêndios. A situação é muito crítica e só vai piorar daqui para frente. Necessitamos de ajuda", cobra o produtor..

Ele diz também que os municípios de Caroebe, São João da Baliza e Iracema devem ter a situação de emergência decretada na terça-feira (26). Na sexta (22), a governadora do estado, Suely Campos, decretou emergência em 10 dos 15 municípios de Roraima.

mais populares
Anuncie grátis aqui !